quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Ushuaia – o fim do mundo é logo alí!

Ushuaia é o destino para quem procura aventuras, paisagens estonteantes e diversidade de fauna e flora.
clip_image002
Índice
Saiba um pouco sobre Ushuaia
Mapa da região central
Informações gerais
Documentos necessários
Como chegar
Clima
Usando o telefone
Eletricidade
Moeda
Serviços médicos
Informações turísticas
Agências de turismo
O que levar
Onde ficar
Onde comer
Diversão noturna
O que comprar
Atrações
Passeios
Quem leva
Saiba um pouco sobre Ushuaia

Proveniente da língua indígena Yámanas a palavra Ushuaia significa “baía que penetra o poente” (Ush = ao fundo e Wuaia = baía). A cidade de aproximadamente 63.000 habitantes foi fundada em 12 de outubro de 1884 sobre as costas do Canal de Beagle e é rodeada pelos Montes Martial e Olivia da Cordilheira dos Andes.
clip_image004
Localizada na região da Patagônia, ao extremo sul da Argentina (veja no mapa) na Província de Terra do Fogo, Ushuaia é a cidade urbana mais austral (ao sul) do mundo, conhecida como “Cidade do Fim do Mundo”. E a capital da Província de Terra do Fogo, Antártida e Ilhas do Atlântico Sul, a maior das 23 províncias da Argentina.
O Estreito de Magalhães, que separa a Ilha de Terra do Fogo do continente, une os Oceanos Atlântico e Pacífico. Até a construção do Canal do Panamá em 1913, era a única passagem possível por mar entre as costas leste e oeste da América do Sul.
A melhor forma de chegar a Ushuaia é por via aérea a partir de Buenos Aires, percurso que leva 3h e meia. Por carro ou ônibus, utiliza-se a Rota 3 (Ruta 3). De Buenos Aires são aproximadamente 3.000 km de distância. Muitos turistas também chegam a Ushuaia em cruzeiros marítimos. Diariamente há navios atracando no porto para que os passageiros possam conhecer a Cidade do Fim do Mundo.

Mapa da região central da cidade de Ushuaia
clip_image006
A chegada a Ushuaia já é uma atração à parte. A vista a partir do avião da Cordilheira dos Andes, com riozinhos azuis cortando a paisagem e picos nevados é fascinante. Imaginar que se está realmente no fim do mundo, onde a única porção ao sul é a Antártida e fica a 1000 km dali também fascina.

Fotos: vista das montanhas na chegada por avião
clip_image008 clip_image010
A cidade portuária é charmosa, acolhedora e abriga turistas do mundo todo, uma verdadeira torre de babel. Muitos europeus, acostumados com o frio intenso, vão com o propósito único de visitar a Antártida em expedições caras para os sul-americanos, mas baratas para eles.
Para quem, como a maioria, se limita a Ushuaia, as atrações não deixam nada a desejar. O visitante terá a oportunidade de caminhar entre pingüins, passear no Trem do Fim do Mundo, visitar o Parque Nacional da Terra do Fogo, com seus 63 hectares, avistar condores e lobos marinhos, além de, se for aventureiro, navegar entre os icebergs ou fazer trecking sobre o gelo em um dos glaciares próximos.
A melhor época para visitação vai de novembro a março, quando o verão deixa a cidade menos gelada. Agora se o objetivo for esquiar ou praticar snowboard, aí sim o inverno é a melhor época, ideal para visitar as estações de esqui no Glaciar Martial (7 km do Centro), Cerro Castor (26 km do Centro) ou Valle Tierra Mayor (22 km do Centro).
Nas proximidades pode-se visitar o Lago Escondido (60 km de Ushuaia), Lago Fagnano (100 km de Ushuaia), o Paso Garibaldi – mirante para observação destes dois lagos e as Cuevas de Alvear (26 km de Ushuaia). Há agências locais que fazem estes passeios.
A culinária típica inclui os caranguejos gigantes e o cordeiro patagônico, além de pescados e mariscos. As empanadas, encontradas em toda a Argentina, também são comuns na cidade, algumas vezes vendidas também nas pizzarias. Uma ótima opção para levar como lanche para os passeios de dia inteiro. As “viandas”, como são chamados estas merendas, também são oferecidos nas pousadas a preços justos. A grande quantidade de viajantes que busca as aventuras no gelo ou mesmo as caminhadas na região fez com que se criasse esse hábito, para facilitar a vida do turista. Basta reservar na recepção e seu lanche estará pronto e embalado para viagem na hora de sua saída para os passeios. Uma opção prática e barata.
Entre os principais animais encontrados na região estão os Guanacos (lembram as lhamas), as raposas vermelhas, os castores, o coelho e o rato almiscarado. Lobos e leões marinhos nos ambientes marítimos. Há ainda uma grande diversidade de aves, entre elas pingüins, condores, morcegos, gaivotas, albatroz entre outros.
Informações gerais
Documentos necessários: RG ou passaporte
Como chegar:
Via aérea: o aeroporto de Ushuaia recebe aviões de grande porte. Fica a 4 km do Centro (Tel.: (02901) 423970). O traslado de táxi custará por volta de $20 pesos.
Via terrestre: Ushuaia não tem terminal rodoviário. É bom comprar passagens com antecedência para evitar grandes esperas. Existe transporte regular de Rio Gallegos, na Província de Santa Cruz diretamente para Ushuaia. De carro se atinge a cidade pela Rota 3. Para atravessar o Estreito de Magalhães é necessário transitar pelo Chile e o transporte é feito por balsa.
Via marítima: cruzeiros vindos de várias partes atracam no porto de Ushuaia sendo esta mais uma opção de chegada à ilha.
Clima:
Temperatura: média anual de 5.3°C
Em janeiro (verão): média de 9.1°C
Em julho (inverno): média de 1°C
Duração do dia: no inverno o dia dura em média 6h 45 min. e no verão dura 17h 45 min. Isto significa que a claridade perdura até pouco depois das 23h no verão
Foto: pôr-do-sol ás 22:23h
clip_image012

Usando o telefone: código do país: 54 – código da cidade: 02901
Para emergências, disque 101 de qualquer aparelho público.
Eletricidade: 220 V
Moeda: Peso Argentino. Casas de câmbio: Thaler (San Martin 778) segunda a sábado das 10h às 13h e das 17h às 20h – domingos das 17h às 20h / Banco de Tierra del Fuego (San Martin, 396) de segunda a sexta-feira das 10h às 15h - boas taxas para travel checks.
Serviços médicos:
Hospital Regional (esquina de Maipú com 12 de outubro)
Informações turísticas:
Secretaria de Turismo (Av. San Martin, 674) Tel./fax 54 (02901) 432000 / 424550 - Segunda a sexta-feira das 9h às 22h – finais de semana e feriados 9h às 20h.
Também tem guichê de atendimento no Porto e no Aeroporto.
Mais detalhes no site http://www.turismoushuaia.com/
Agências de turismo locais:
InterHabit http://www.interhabit.com/ – filial no Brasil: 55-11-39570376
Compania de Guias de Patagonia http://www.companiadeguias.com.ar/ em Ushuaia: 54-02901-437753 (San Martin, 654)
O que levar:
Botas de caminhada, calças e casacos de preferência impermeáveis, óculos de sol, protetor solar, gorros ou bonés, luvas. Mochila leve para caminhadas e cantil para água.
Onde ficar:
Há diversas opções para ficar em Ushuaia. Aqui indicamos as de fácil acesso ao Centro, o que facilita a programação de passeios e as facilidades como bares, restaurantes, postos telefônicos e de Internet e comércio em geral. Abaixo opções desde hotéis a camping, passando por hospedarias, hospedagens e albergues.
Hotel Tierra Del Fuego (Gobernador Deloqui, 198 – tel. (02901) 424902 (02901) 424901) $ 450 pesos a diária para 2 pessoas – localizado no Centro http://www.tierradelfuegohotel.com/
Hospedaje Hostal Malvinas (Gobernador Deloqui, 615 – tel. (02901) 422626) $360 pesos a diária para 2 pessoas com café da manhã e traslado de chegada aeroporto/hotel – localizada no Centro de Ushuaia http://www.hostalmalvinas.net/
Hostería Via Rondine (Hopolyto Irigoyen, 797 - tel. (02901) 443842 )$300 pesos a diária para 2 pessoas com café da manhã – localizada a 1,5km do Centro
http://www.viarondine.com.ar/
Hospedaje Paisaje Del Beagle (Gobernador Paz, 1345 – tel. (02901) 421214) $ 220 pesos a diária para 2 pessoas – localizada no Centro http://www.paisajedelbeagle.com.ar/
Albergue Los Lupinos Backpackers Hostel (Gobernador Deloqui, 750 – tel. (02901) 424152) $ 60 pesos a diária para 1 pessoa – localizado no Centro http://www.loslupinos.com/
Albergue Refugio Del Mochilero (25 de Mayo, 231 – tel. (02901) 434895) $ 50 pesos a diária para 1 pessoa – localizado no Centro http://www.refugiodelmochilero.netfirms.com/
Camping La Pista Del Andino (Av. L. N. Alem, 2873 – tel. (02901) 435890) $ 25 pesos a diária para 1 pessoa – localizado a 28 quadras do Centro http://www.lapistadelandino.com.ar/
Onde comer:
As famosas empanadas, encontradas em diversos cantos, resolvem aquela fome fora de hora. Para refeições mais elaboradas, sugerimos abaixo alguns restaurantes variados.
Chez Manu (Luis Fernando Martial, 2135 - a 3 km do Centro) pratos típicos e vinhos da região de Neuquén. Tem bela vista da cidade e do Canal de Beagle.
Tante Sara Café e Bar (San Martín, 701) – ótima opção para os finais de tarde, serve cafés, tortas, doces, lanches e drinks.
La Cantina Fueguina de Freddi (San Martín, 326)
137 Pizza e Pasta (San Martín, 137)
Azul Resto Bar (esquina de San Martín com Sarmiento)
Opiparo (Maipú, 1255) – excelente restaurante de pizza e pasta.
Bodegón Fueguino (San Martin, 859) – cordeiro patagônico, peixes da região e pastas.
Parrilla La Rueda (San Martin, 193)
Diversão noturna:
Náutico – única casa noturna, aberta até as 6h da manhã. Na Maipú.
Dublin Bar – pub na 9 de Julho – usualmente freqüentado por turistas.
Galway Bar – estilo pub irlandês na 9 de Julho.
O que comprar:
Ushuaia é uma região livre de impostos. Há mercadorias do mundo inteiro vendidos a preços realmente baratos. Quadras e mais quadras de lojas de artigos diversos, de artesanato e galerias de arte. Artigos de inverno de qualidade também são fáceis de encontrar como botas, luvas, casacos e roupas térmicas em geral.
Atrações:
Parque Nacional Tierra Del Fuego – 11 km de Ushuaia
Entrada no Parque $ 20 pesos
Natureza mais austral – vegetação composta de lengas, ñires e guindos – rios, lagos, floresta e vistas do canal de Beagle. Ocupa uma faixa de 6 km do Canal de Beagle e faz divisa com o Chile. Uma das 9 trilhas leva à Baía Lapataia de visual sem igual. Levar alimento e água.
Foto: Parque Nacional Tierra Del Fuego – mar e vegetação
clip_image014
Trem do Fim do Mundo – 8 km de Ushuaia réplica do trem que transportava presos há 100 anos atrás para buscarem lenha para os povoadores de Ushuaia - na Estação do Fim do Mundo.
Foto: trem Del fim Del mundo
clip_image016
Museu do Fim do Mundo (Maipú 173, eqüina com Rivadávia) e Antiga Casa do Governo (Maipú, 465) – de outubro a abril: todos os dias (exceto Natal e Ano Novo) das 9h ás 20h – de maio a setembro das 12h às 19h
Museu Marítimo e ex Presídio de Ushuaia - “Cálcer Del Fin Del Mundo” (esquina de Yaganes com Gobernador Paz) Tel.: 54 2901 437481
Diariamente (exceto Natal e Ano Novo) das 9 às 20h – entrada: 60 pesos (35 pesos para estudantes)
O Museu Mundo Yámanas (Rivadávia, 56 - TEL/FAX: 54 - 2901 – 422874) diariamente das 9h às 20h – entrada $20 Pesos Argentinos. Através de maquetes retrata a vida dos índios Yámanas da Terra do Fogo
Ilhas no Canal de Beagle: Ilha dos Lobos Marinhos, Ilha dos Pássaros, Ilha dos Pinguins (Pinguinera), Ilha com o Farol Les Ecleaireus, Harberton, Puerto Williams (Chile).
Fotos: Pinguins
clip_image018 clip_image020
Passeios:
Navegação pelo Canal de Beagle ou pelos glaciares (quando ativo). Há várias opções de roteiro dos passeios de barco, incluindo visita a ilha dos Pássaros, a Ilha dos Lobos Marinhos, a Pinguinera e o Farol Les Ecleaireus, cartão postal da cidade. Os preços variam de $155 a $310 pesos por pessoa.
Foto: Ilha dos Pinguins (Pinguinera)
clip_image022
Estância Harberton – 85 km de Ushuaia - Fazenda mais antiga de terra do Fogo, fundada em 1886 – sobre o Canal de Beagle - (novembro a março - caminhada com pingüins).
Foto: Estância Harberton
clip_image024
City Tour em ônibus “Double Decker City Tour” (esquina de San Martin e Juana Fadul) – $ 60 pesos – duração 1 a 2h
Estações de Esqui (inverno): Glaciar Martial – 7 km – Cerro castor – 26 km – Valle Tierra Mayor – 22 km - estações para prática de esqui e snowboard
Quem leva:
Adventure Club – http://www.adventureclub.com.br/ (11) 5573-4142
De novembro/2010 a abril/2011 saídas diárias - Incluso aéreo e terrestre com café da manhã - Pacote “Patagônia Austral” U$ 1664.00 – 9 dias – saindo de SP - El Calafate – Glaciar Perito Moreno – Ushuaia – Buenos Aires.
(Fotos por Silene Peres)

domingo, 28 de novembro de 2010

STAND BY ME

video

Não importa quem você é, o que você faz, quantos anos você tem, quais suas preferências literárias, sexuais, religiosas, nem suas convicções, mas uma coisa é certa, uma música é capaz de te unir a milhares de pessoas e te fazer parte de um todo! Afinal, somos TODOS IGUAIS!

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Fernando Pessoa - sempre atual!

Fernando Pessoa
Fernando Pessoa, o mestre das palavras, nascido em Lisboa em 1888, onde também se foi em 1935.

Nada como ler alguns trechos de seus poemas e reflexões para enxergar sua sensibilidade e talento! Um sábio, já naquele tempo, com assuntos sempre tão atuais! Incrível!

"Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final...
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu....
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.
O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora...
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração... e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal".
Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!
Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.
Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.
Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és..
E lembra-te:
Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão."


"Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!"



FACUNDO CABRAL - REFLEXÃO

Querida Tata, esse vai para você! Beijos da prima Silene

Facundo Cabral

Não estás deprimido, estás distraído
…Distraído em relação à vida que te preenche,
Distraído em relação à vida que te rodeia, Golfinhos, bosques, mares, montanhas, rios.

Não caias como caiu teu irmão que sofre por um único ser humano, quando existem cinco mil e seiscentos milhões no mundo. Além de tudo, não é assim tão ruim viver só. Eu fico bem, decidindo a cada instante o que desejo fazer, e graças à solidão conheço-me… o que é fundamental para viver.


Não faças o que fez teu pai, que se sente velho porque tem setenta anos, e esquece que Moisés comandou o Êxodo aos oitenta e Rubinstein interpretava Chopin com uma maestria sem igual aos noventa, para citar apenas dois casos conhecidos.
Não estás deprimido, estás distraído.
Por isso acreditas que perdeste algo, o que é impossível, porque tudo te foi dado. Não fizeste um só cabelo de tua cabeça, portanto não és dono de coisa alguma.
Além disso, a vida não te tira coisas: te liberta de coisas… alivia-te para que possas voar mais alto, para que alcances a plenitude. Do útero ao túmulo, vivemos numa escola; por isso, o que chamas de problemas são apenas lições. Não perdeste coisa alguma: Aquele que morre apenas está adiantado em relação a nós, porque todos vamos na mesma direção. E não esqueças, que o melhor dele, o amor, continua vivo em teu coração


Não existe a morte... Apenas a mudança. E do outro lado te esperam pessoas maravilhosas: Gandhi, o Arcanjo Miguel, Whitman, Santo Agostinho, Madre Teresa, teu avô e minha mãe, que acreditava que a pobreza está mais próxima do amor, porque o dinheiro nos distrai com coisas demais, e nos machuca, porque nos torna desconfiados.


Faz apenas o que amas e serás feliz. Aquele que faz o que ama, está benditamente condenado ao sucesso, que chegará quando for a hora, porque o que deve ser será, e chegará de forma natural. Não faças coisa alguma por obrigação ou por compromisso, apenas por amor. Então terás plenitude, e nessa plenitude tudo é possível sem esforço, porque és movido pela força natural da vida, a mesma que me ergueu quando caiu o avião que levava minha mulher e minha filha; a mesma que me manteve vivo quando os médicos me deram três ou quatro meses de vida


Deus te tornou responsável por um ser humano, que és tu. Deves trazer felicidade e liberdade para ti mesmo. E só então poderás compartilhar a vida verdadeira com todos os outros.
Lembra-te : "Amarás ao próximo como a ti mesmo". Reconcilia-te contigo, coloca-te frente ao espelho e pensa que esta criatura que vês, é uma obra de Deus, e decide neste exato momento ser feliz, porque a felicidade é uma aquisição.


Aliás, a felicidade não é um direito, mas um dever; porque se não fores feliz, estarás levando amargura para todos os teus vizinhos.
Um único homem que não possuiu talento ou valor para viver, mandou matar seis milhões de judeus, seus irmãos.


Existem tantas coisas para experimentar, e a nossa passagem pela terra é tão curta, que sofrer é uma perda de tempo. Podemos experimentar a neve no inverno e as flores na primavera, o chocolate de Perusa, a baguette francesa, os tacos mexicanos, o vinho chileno, os mares e os rios, o futebol dos brasileiros, As Mil e Uma Noites, a Divina Comédia, Quixote, Pedro Páramo, os boleros de Manzanero e as poesias de Whitman; a música de Mahler, Mozart, Chopin, Beethoven; as pinturas de Caravaggio, Rembrandt, Velázquez, Picasso e Tamayo, entre tantas maravilhas.


E se estás com câncer ou AIDS, podem acontecer duas coisas, e ambas são positivas: se a doença ganha, te liberta do corpo que é cheio de processos (tenho fome, tenho frio, tenho sono, tenho vontades, tenho razão, tenho dúvidas)... Se tu vences, serás mais humilde, mais agradecido... portanto, facilmente feliz, livre do enorme peso da culpa, da responsabilidade e da vaidade, disposto a viver cada instante profundamente, como deve ser.


Não estás deprimido, estás desocupado.
Ajuda a criança que precisa de ti, essa criança que será sócia do teu filho. Ajuda os velhos e os jovens te ajudarão quando for tua vez.
Aliás, o serviço prestado é uma forma segura de ser feliz, como é gostar da natureza e cuidar dela para aqueles que virão.
Dá sem medida, e receberás sem medida.
Ama até que te tornes o ser amado; mais ainda converte-te no próprio Amor. E não te deixes enganar por alguns homicidas e suicidas.


O bem é maioria, mas não se percebe porque é silencioso. Uma bomba faz mais barulho que uma caricia, porém, para cada bomba que destrói há milhões de carícias que alimentam a vida. Vale a pena, não é mesmo?.


Se Deus possuisse uma geladeira, teria a tua foto pregada nela. Se ele possuisse uma carteira, tua foto estaria nela. Ele te envia flores a cada pimavera. Ele te envia um amanhecer a cada manhã. Cada vez que desejas falar, Ele te escuta. Ele poderia viver em qualquer ponto do Universo, mas escolheu o teu coração. Encara, amigo, Ele está louco por ti!


Deus não te prometeu dias sem dor, riso sem tristeza, sol sem chuva, porém Ele prometeu força para cada dia, consolo para as lágrimas, e luz para o caminho.


“Quando a vida te trouxer mil razões para chorar, mostra que tens mil e uma razões para sorrir”

domingo, 14 de novembro de 2010

É preciso saber viver - fazer escolhas e colher frutos.

O tempo vai nos levando mas nem sempre sabemos para onde. Há que se conscientizar que cada fato em nossa vida é fruto de nossas escolhas!
A cada momento pode-se escolher entre opostos numa mema situação.
Avalie, coloque na balança, imagine-se na situação em voga. Perceba qual caminho vai trazer uma sensação de bem estar, de liberdade. E tenha certeza de que a sua escolha  não vai interferir negativamente na vida de outras pessoas. E que, principalmente, a sua escolha VAI lhe trazer COISAS BOAS sob o seu ponto de vista, mesmo que não sejam boas para outras pessoas, afinal o outro também poderá escolher. Parece contraditório, mas não é! São situações diferentes.
Escolher o que não é bom para você mas com ceteza será bom para o outro é um desrespeito para consigo mesmo. A não ser que tenha vocação para Madre Tereza ou Chico Xavier. Você é um Santo!
Escolher o que é bom para você e consequentemente fará mal ao outro, sem que o outro tenha a opção de realizar escolhas, é egoísmo. Lembre-se que existe um mundo à sua volta.
Escolher o que é o melhor para você e que talvez não sejo o melhor para o outro, mas o outro tem direito a escolhas sobre sua prórpia vida para também buscar o melhor, isso sim, é o caminho certo a seguir.
Tudo é uma questão de INVASÃO ou não. Pense que o pior dos defeitos é invadir a privacidade alheia. Se você descobrir que através de suas escolhas pode fazer-se feliz sem invadir o vida do outro, ou seja, contando exclusivamente com você mesmo, então, estará fazendo a coisa certa! Mesmo que para qualquer outra pessoa não pareça a coisa certa... E sempre haverá gente de plantão para julgar e criticar. Sempre.

É preciso saber viver! Para viver sabendo ser feliz!

sábado, 13 de novembro de 2010

De repente é Natal de novo!

A agenda lota. Confraternização aqui, convenção ali. Balanço pessoal, profissional, emocional.
Este é o sinal de que o Natal já está chegando novamente, e com ele toda correria de um término de ano. Na verdade o Ano Novo não passa de mais uma data no calendário. Uma convenção de término e recomeço.
A proximidade do fim de um ano alimenta um corre-corre sem sentido e sem fim atrás de nem se sabe o que. Um sentimento de que "falta tempo" para fazer "aquilo" que eu queria ter feito e não fiz. E uma ansiedade para "começar sem falta" no "ano novo" algo que sempre será empurrado para frente, entra ano, sai ano.
Vamos cortar esse paradigma? Vamos fazer já o que achamos que devemos fazer um dia? Vamos usar o bom humor para mais uma vez encarar as datas comemorativas e suas reuniões, muitas vezes cheias de falsidade, já que metade das pessoas presentes não gostariam de estar ali naquela noite e naquele horário? A noite de Natal: o que menos se lembra é do verdadeiro sentido de COMEMORAR O AMOR DE CRISTO. Lembra-se sim de presentes, comidas, aquele visual incrementado. Vaidades e mais vaidades.

Para descontrair, segue um vídeo da "Christmas Tree" da Lady Gaga. Ela mesma!! Divertido.

sábado, 6 de novembro de 2010

Filmes, muitos filmes

São muitos meus filmes preferidos, muito mais do que o tempo que tenho de postar sobre eles!

Filmes que tocam o coração e fazem pensar, este é o estilo de filmes que gosto!


Veja alguns deles na página http://sileneladobe.blogspot.com/p/diversao-e-arte.html  com os respectivos trailers.

Até!

domingo, 31 de outubro de 2010

Descobri, sem querer, que Buenos Aires es "Mi Buenos Aires Querido"!! Mai 08

Que surpresa boa! Esperar algo e receber muito mais! Assim foi minha experiência em Buenos Aires em maio/08. Tá certo que com a companhia prá lá de agradável de amigos tão queridos (Alê, Humberto e Giorgio) lugar algum seria chato... Costumo dizer que certos grupos, que se formam tão sem querer às vezes, são "diversão garantida ou seu dinheiro de volta" . Foi o caso!



Muito verde, gente muito simpática (muito diferente do paradigma criado pelos brasileiros sobre os argentinos) história preservada, ao ar livre e ao alcance de todos!! A fervorosa paixão pelo tango e pelo futebol (semelhança é mera coincidência com um país vizinho que venera o samba e o futebol...).
Na hora de testar o Espanhol o encontro com o "X" ! Um "expanhol, xaxado, difixil " mas que no fim acaba se resolvendo na mímica ou no portunhol, já que o que aprendemos na escola não se parece muito com o falado pelos hermanos. Será influência da Xuxa?? Pequenos percalços fáceis de se resolver!



Puerto Madero: imperdivel! De dia, à noite, a qualquer horário. Para caminhar, ir ao navio de guerra em exposição, jantar à noite provando um típico Bife de Chorizo - divino, enfim, pra se sentir um argentino, passeando sem pretensão nenhuma e apreciando a paisagem. 










Il Caminito es una gracia, com sus multi-colores. Las parejas bailando el tango. Muy muy bonito!


Café Tortoni - de longe um dos cafés mais charmosos que conheci! Não fica devendo nada aos parisienses! E com um espetáculo de tango cativante, que não dá vontade que acabe nunca!

E como não posso deixar de destacar novamente... ahhhhh !! As comprassssssssss!! Como diria minha amiga Alê "las tarjetas entán enloquecidas" pulando pra fora das bolsas! Agora sei o que o gringo do Euro e do Dolar sente quando chega aqui no Brasil e tem poder de compra com sua moeda valorizada... imaginem 1 Real valendo 1,7 Pesos ! Coisa de louco! Você faz até compra no supermercado... uma tentação só!
VALE A PENA ! MI BUENOS AIRES QUERIDO!!


Subte - o Metrô de lá

A Casa Rosada

Todos esses elementos fizeram desta cidade, para mim, uma das mais gostosas pra se passear, se divertir, para explorar cada cantinho, cada bairro, para comer muito bem, tomar muito (bom) vinho, comprar muito e (muito) barato!!

Não só recomendo como me coloco à disposição... quem for pra lá, não esquece de me chamar!! Já Voltarei assim que possível!!

Off road em São Thomé das Letras - MG!




São Thomé das Letras - MG


Não imaginei que fosse gostar tanto de um lugar! Minha expectativa era de uns dias para descansar em uma cidadezinha mineira... Qual não foi a minha surpresa ao dar de cara com uma paisagem deslumbrante, com diversas trilhas para inúmeras cachoeiras... maravilhoso!


Água muuuito fria, também, em pleno julho!!! Mas não deixei de me deliciar em todas elas, junto com minhas amigas, a Rosi e a mãe dela, Dona Lurdes, nosso dicionário botânico a bordo, que não deixava passar nem a menorzinha das flores multicolores que encontramos em todo caminho!
Disco voador? Não vi não, mas nem precisou. A vista que se tem do "observatório" dos Ovni ´s dispensa a presença de qualquer marciano...






Cachoeira da Lua ao lado

Cachoeira Antares abaixo
















Véu de Noiva ao lado






E no caminho de volta, fomos presenteadas com uma plantação de girassóis!!!!!!!! Como nos filmes!!!!!! São Thomé: voltarei com certeza!













Pôr do sol na Ladeira do Amendoim






 




Gruta do Sobradinho - entra por um lado e sai pelo outro.








 
             A Casa de Pedra em formato de pirâmide, linda!                                               A Matriz

Cachoeira da Eubiose

 
Cachoeira do Flávio




      E haja chão de terra!







 
 
Mais pôr-se dol - espetáculo da natureza!


 
 
 
Pousada Arco-Iris na cidade. Ótimo café da manhã e cortesia do pessoal. Pão de queijo quantinho não faltou!

A antiga Matriz: de pedra.


Muitas casas da cidade ainda hoje são de pedra. Há também algumas ruinas.

A subida à Pedra de São Tomé é ingreme, mas vale a pena! De um lado se avista esta paisagem, e do outro a cidade com sua Matriz amarela.

Carneiros... mas do que se trata ?

O céu estrelado mais lindo e "sem fim" que já vi, sem lua, com o branquinho das ondas iluminando a noite, e o barulhinho do mar... impossível não voltar inspirada e surpresa com a beleza da natureza pura desse lugar! Isso é a Praia de Carneiros! Uma pena não ter conseguido fotografar aquela noite e aquele céu, mas vai ficar na memória para sempre, e o som eclético e dançante de um ipod qualquer... caminhando e cantando e dançando a canção sob as estrelas!

Mas Carneiros é muito mais! De dia, à tardinha, a qualquer momento!

Uma das praias mais bonitas do litoral brasileiro, situada ao sul de Pernambuco foi batizada com esse simpático nome... Carneiros. Sobrenome dos antigos proprietários do que era uma gigante fazenda de côco à beira-mar... pode imaginar? Só vendo algumas fotos do paraíso pra constatar a beleza do local!

O balanço da maré ajuda o visitante a perceber a mudança de cores da paisagem no decorrer do dia. Azuis, verdes, tons de areia e terra.









O totem gigante assiste a tudo e enfeita a orla





Que lugar! Tudo vira atração nessa beira mar!








O degradê de azuis toma conta da paisagem, parece miragem...




Deus é mesmo perfeito!




Lá vai o carroceiro... bucólico!














O sol deixando o dia e colorindo a noite...



E do outro lado o reflexo das nuvens rosadas no mar, lindo! 


A maré vai e vem... veja a mesma árvora na maré baixa e na maré alta! Este balanço que forma as piscinas naturais ao longo do dia.










São Benedito à beira-mar - quando a maré enche, a água chega até a porta da igrejinha construída em 1910;






O barco descansa na areia enquanto o sol se vai!

E este, no meio do mar, arremata a paisagem de azuis.



E a boa companhia faz realmente a diferença!! Abraços aos amigos gaúchos e às minhas companheiras de viagem!! 




A velha e boa foto com disparo automático nunca pode faltar...


Piscinas e mais piscinas pra todos os gostos! Aparecem e desaparecem no embalo da maré!


Os coqueiros dão o verde ao local, além de emoldurarem a paisagem deixando tudo mais bonito!



DICAS
O que não fazer (SINAL VERMELHO):

* hospedar-se em Tamandaré, a cidadezinha que abriga a Praia de Carneiros - muito lotada, sem infra-estrutura e suja;

* alugar um carro - não é necessário. As moto-táxis e o "Seu" Ademir dão conta do recado: Seu Ademir e sua família mais que empreendedora, fazem traslados, passeios e serviços de leva e traz.

O que não deixar de fazer (SINAL VERDE):

* hospedar-se o mais próximo possível da Praia de Carneiros, garantindo o sossêgo e paz que o local emana (sugestão: Pousada do Farol - melhor custo/benefício- http://www.pousadadofarol.com/ ou Pontal dos Carneiros Beach Bungalows http://www.pontaldoscarneiros.com.br/) pra quem quer e pode gastar um pouco mais e ter muito mais conforto;

* caminhar por toda a orla, do início ao fim da praia. A cada trecho um novo colorido é descoberto;

* tomar os drinks do Beijupirá ( http://www.beijupira.com.br/carneiros/) de dia (kiwi, graviola, cajá...) e saborear a culinária exótica do mesmo restaurante à beira-mar no jantar, incluindo o sorvete de tapioca e a sobremesa "Cangaceiro", uma mistura de queijo local grelhado com sorvete de banana, canela e açúcar - divino;

* caminhar à noite sob as estrelas quando a maré está bem baixa;

* passar um dia no Bora-bora - barraca à beira do mar - um verdadeiro oásis pra quem tem sede, fome e vontade de ser bem atendido;

* antes de ir embora, passar em Tamandaré pra comprar a passa de cajú da mãe do "Seu" Ademir, um verdadeiro manjar dos deuses!!